Não é preciso um grande motivo pra ser e fazer alguém feliz!

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

Geleia de pimenta

É doce, é picante... uma explosão de sabores! Eu adoro...

E olha como é fácil:


Você vai precisar de:

  • 4 pimentas dedo-de-moça sem sementes e picadas (ou menos, se não quiser muito forte)
  • 1 xícara de açúcar
  • 200ml de suco (sumo) de laranja
  • 1 maçã descascada e ralada (ralo grosso)
  • 1 dente de alho descascado
  • 1 pitada de sal
OBS.: Se você tiver pele sensível, use luvas ao manusear a pimenta. Eu não usei e fiquei com os dedos ardendo, sério... kkk

Como fazer:
Leve todos os ingredientes, numa panela, ao fogo médio/baixo por 25 minutos, sem mexer. Apague o fogo e deixe-a esfriar. (A geleia ganha essa linda consistência depois de fria.) 
Coloque-a num vidro esterilizado e mantenha na geladeira. 

Com torradinhas de provolone desidratado fica uma delicia.

No natal recheei damascos com essa geleia e com queijo brie. Ficou delicioso!!!!


Pode ser servida com pães, queijos, torradinhas, cream cracker, como acompanhamento de fondue, de churrasco... Uma delícia!

Um  bjo carinhoso,
D.


7 comentários:

Marcia disse...

Daniiiii, vc voltouuuuuu! Que alegria, senti falta desse cantinho. Eu amo geléia de pimenta... vou fazer com certeza!

Tia Selma disse...

Mande um pouco pra sua tia querida! rsrsrs

Rosane disse...

Fiz hoje e ficou deliciosa! Brigada pela receita. Bjo grande!

Anônimo disse...

Obaaa! Voltou de vez?! Espero que sim! Amo os seus posts e estava sentindo falta. Fique com Deus!
Abraços!

Larissa

Carlos Cristiano disse...

Venho aqui para elogiar a tua receita, esta é a segunda vez que a faço, fiz uma pequena modificação para finalizá-lá, acrescentei uma colher de sopa de glicose ela ganha um brilho extra!

eliana marroni disse...

aestava procurando uma receita assim, fácil de fazer. Tenho muita vontade de esperimentar esta geléia. Deu água na boca. Beijos

mônica disse...

Acabei de fazer e ficou ótima. O único problema é que deixei de ler a dica das luvas e estou com os dedos ardendo até agora. kkk